Voltar

Exercícios x Depressão

A possibilidade dos exercícios melhorarem nossa vida é enorme, cada dia mais as recomendações se baseiam nos trabalhos científicos.

A depressão é uma doença que atinge pessoas de todas as idades, em todos os lugares do mundo e já atinge 300 milhões de pessoas.

Os pesquisadores estão em busca de formas de prevenção para esta doença, que já é a segunda mais prevalente no mundo.

Os cientistas americanos estudaram dados de variantes genéticas dos resultados de um grande estudo na Inglaterra para exercícios físicos e para a depressão. No caso dos exercícios foram utilizadas 377 mil pessoas que preencheram um relatório sobre atividade física realizada e 90 mil pessoas que usavam sensores de movimento. Os dados de depressão incluíram informações de 143 mil pessoas com e sem doença. Os resultados mostraram que fazer atividades físicas regulares diminuiu os riscos de depressão.

O difícil é estimular e conseguir que as pessoas façam exercícios. O trabalho também tenta saber quais as melhores atividades para diferentes tipos de pessoas e com perfis diversos da doença.