Voltar

Até onde o café faz bem para nossa saúde?

Tomar café é um hábito do dia-a-dia de grande parte dos brasileiros. Além de saborosa, a bebida é fonte de magnésio, potássio e vitamina B3. Também contém cafeína, que reduz a sensação de cansaço e nos deixar mais alertas e concentrados. Por fim, apresenta componentes de propriedades antioxidantes como o ácido clorogênico e os polifenóis.

Mas os benefícios não acabam por aí. Pesquisadores da Faculdade de Saúde Pública Harvard T.H. Chan acreditam que estes componentes também reduzem a absorção de açúcar pelo sangue, aceleram o metabolismo e ajudam as veias a contrair e a relaxar. Tais efeitos seriam responsáveis por uma diminuição da pressão arterial, do ganho de peso advindo do envelhecimento e dos riscos de diabetes do tipo 2 e de doenças cardiovasculares.

No entanto, para que o café faça bem ao seu corpo é preciso não exceder a quantidade de cinco xícaras por dia. Para além desse valor, o café pode trazer problemas como insônia, nervosismo e palpitações. A cafeína em grande quantidade também pode elevar a pressão arterial. Além disso, muitas pessoas costumam adicionar açúcar, mel ou cremes ao café, o que deve ser evitado a todo custo.

 

Fonte:

http://www.health.harvard.edu/staying-healthy/coffee-love-it-or-leave-it?utm_source=twitter&utm_medium=socialmedia&utm_campaign=052116kr&utm_content=pr