Voltar

Jovens obesos : problema é maior nos EUA, mas também atinge o Brasil

Dois estudos recentes indicam que a doença atinge cada vez mais crianças e adolescentes tanto no Brasil, como nos EUA.

O primeiro deles, realizado por um grupo de pesquisadores da Universidade de Duke (EUA), desmente uma possível queda na obesidade infantil no país e afirma que os jovens americanos obesos passaram de pouco mas de 14% para quase 18% no intervalo entre 1999 e 2014. O estudo foi publicado no último volume da revista Obesity.

Já o pioneiro ERICA (Estudo dos Riscos Cardiovasculares em Adolescentes), primeira pesquisa de alcance nacional do gênero, indica que cerca de 8,4% de nossos jovens são obesos.

Vale lembrar que o aumento da obesidade está diretamente relacionado ao aumento do número de jovens hipertensos. Esse quadro de obesidade e hipertensão favorece o aparecimento de doenças cardiovasculares e pode ser fatal. Precisamos, todos, de todas as idades, incorporar novos hábitos às nossas vidas : alimentação saudável e balanceada, perda ou controle de peso e atividade física são essenciais.

 

Para saber mais:

O que é a Obesidade?

http://www.endocrino.org.br/obesidade/

 

Fontes: 

Prevalence of obesity and severe obesity in US children, 1999-2014

http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/oby.21497/abstract

ERICA - prevalências de hipertensão arterial e obesidade em adolescentes brasileiros

http://www.scielo.br/readcube/epdf.php?doi=10.1590/S01518-8787.2016050006685&pid=S0034-89102016000200306&pdf_path=rsp/v50s1/pt_0034-8910-rsp-S01518-87872016050006685.pdf&lang=pt