Voltar

Ideias para um ano mais saudável

Caros amigos,

O ano de 2015 dá vontade de esquecer. Bilhão e corrupção foram as palavras de ordem. De qualquer forma é na crise que as oportunidades de mudança e crescimento aumentam. Assim, vamos enfrentar as dificuldades em busca de alternativas mais saudáveis. 

1. Não adianta mais negar: há uma relação direta entre alimentos embutidos e carnes processadas com o câncer. Evite-os. 

2. Domir bem continua fundamental: protege a saúde, retarda o envelhecimento, organiza a mente. 

3. Se você é um líder, lembre-se que firmeza, grandeza e ética são qualidades imprescindíveis. Precisamos delas mais do que nunca!

4. Não passe seus dias sentado. As pesquisas revelam que ficar em pé protege o coração. 

5. O cérebro já não aguenta mais tanta informação, a solução é dar “resets" no cérebro : pausas no trabalho, sonecas, meditação, exercícios, vale tudo para aliviar a tensão cerebral.

6. Atenção estressados: ansiedade passa de pai para filho, há uma transmissão genética de 40%.

7. Ficar deprimido em algum momento da vida faz parte, não buscar tratamento é um risco.

8. As pesquisa são categóricas: pressão boa e protetora é pressão baixa (120x80 mmHg).

9. Refrigerante é substância tóxica e deve ser abolido da dieta.

10. Curta os momentos de felicidade e sucesso, não fique o tempo todo atrás de novas conquistas.

11. O mundo precisa de pessoas criativas, sensíveis, objetivas e honestas, procure ser uma delas.

12. Demências, Doença de Alzheimer e os pacientes em estado terminal só aumentam : vamos precisar de mais hospitais especializados e de cuidados paliativos.

13. Resiliência: desenvolver a capacidade de se adaptar e se recobrar num ano de crise será fundamental para suportar as tensões.

14. A alimentação saudável continua em alta, está na sua mão, emagrece, protege seu corpo, dá energia e revigora.

15. Mais uma da genética: exercícios físicos evitam a redução dos telomeros (DNA) retardando o envelhecimento e as doenças crônicas.

16. Prevenção vale a pena! Não fumar, alimentar-se com dieta mediterrânea e fazer exercícios reduzem em até 30% as doenças cardiovasculares.

17. A tendência mundial é a medicina personalizada, um tratamento sob medida para cada indivíduo.

18. Troque o salgadinho por uma maçã: ela diminui a pressão arterial, reduz a absorção de gorduras e repõe energia.

19. Não esqueça que o estresse crônico (muito cortisol e adrenalina) aumenta a gordura abdominal que é inflamatória e favorece as doenças das artérias coronárias.

20. Não antecipe as tensões do final do ano:  dezembrite e novembrite são passageiras, melhoram com a virada do ano quando tudo volta aos poucos ao normal.

Feliz 2016!

Prof. Dr. Carlos Alberto Pastore