Voltar

Comer carne vermelha pode diminuir o tempo de vida

Um trabalho realizado pela Harvard University mostrou que comer carne vermelha industrializada pode aumentar o risco de morte prematura em 20%. Os especialistas acompanharam 120 mil pessoas que comiam diariamente carne processada do tipo bacon, salchichas, linguiça etc. e constataram que o risco de morte precoce aumentava em 20%. E quando a carne vermelha não era processada o risco aumentou em 13%. O acompanhamento se deu ao longo de 22 anos, com aproximadamente 40 mil mulheres e 80 mil homens, com entrevistas a cada 4 anos.

A evidência é clara: comer carne vermelha aumenta o risco de ser acometido por doenças cardiovasculares bem como pelo câncer. A substituição da carne vermelha pelo peixe reduziu em 7% o risco e comer grãos integrais e aves trouxe uma diminuição de 14%. Dessa forma, comer menos carne vermelha nos faz viver mais.